Quais as frutas mais e menos indicadas para os cachorros?

Artigos

Os benefícios de frutas para cachorros

As frutas são ótimas opções para diversificar na alimentação dos nossos melhores amigos. Mas é preciso tomarmos cuidado, pois apesar das frutas serem extremamente benéficas para a nossa saúde, o efeito nem sempre é o mesmo no do nossos bichinhos.

Nem todas as frutas que são indicadas para o consumo animal, pois além de alguns apresentarem alergias a algumas delas, as frutas também devem ser escolhidas de acordo com o estado de saúde do seu cachorro.

Algumas podem oferecer alterações no organismo deles que, dependendo do quadro de saúde, pode acabar piorando a situação.

Então, antes de começar a oferecer as frutas para seu cachorro, procure pesquisar as propriedades de cada uma e, se possível, converse com um veterinário, para que ele te explique qual é a mais indicada para caso seu pet tenha alguma doença ou alguma peculiaridade.

Mas, afinal, qual fruta pode e qual não pode?

Banana

Pode.

Por ser rica em potássio, possuir fibras benéficas para o organismo e grande fonte de energia, a banana é uma fruta que auxilia no sistema imunológico e intestinal dos bichinhos.

Ela deve ser oferecida para os pets em pequenas quantidades e sem casca.

Abacate

Não Pode.

O abacate é uma fruta que, além de ser extremamente calórica, também possui uma substância chamada persina, que pode fazer o cachorro desenvolver transtornos gastrointestinais.

Melancia

Pode.

Docinha e refrescante, a melancia é rica em água e é ótima para a hidratação.

Ela também possui altos níveis de vitamina A, C e B6, além de ser fonte de potássio, mineral que ajuda a equilibrar a quantidade de água dentro das células do organismo.

Outro benefício da melancia para os cães é que a fruta é fonte de licopeno, antioxidante que previne alguns tipos de câncer.

Lembre-se de tirar as sementes, pois elas podem causar obstrução, então sempre tire a casca e as sementes antes de oferecer para o cão.

Mamão

Pode.

Nos animais o mamão possui as mesmas funções que no organismo humano.

Fonte de vitamina A e C, cálcio, ferro e potássio, o mamão também é rico em fibras, o que acaba facilitando a digestão.

Lembre-se de dar para o seu cachorro em poucas quantidades, pois pode causar diarréia, além de sempre tirar as cascas e sementes.

Carambola

Não Pode.

Por possuir grandes quantidades de ácido oxálico insolúvel, a carambola é uma fruta que pode prejudicar os rins do cãozinho com deposição de cálculos de oxalato de cálcio.

É muito comum casos de cachorros que, sem querer, comem a fruta por viverem em lugares abertos com uma grande variedade de árvores frutíferas.

A salivação, inapetência, vômitos, diarreia, prostração, fraqueza, tremores, presença de sangue ou cristais na urina e alterações da sede são alguns dos sintomas que aparecem nos cães após o consumo da fruta.

Caso seu pet apresente esses sintomas, não pense 2x para ir até o veterinário.

Conclusão

As frutas podem ser muito benéficas para os animais, mas precisamos lembrar que, assim como para o nosso organismo, tudo o que é demais pode acabar fazendo mal, até mesmo as frutas com todos os nutrientes e vitaminas que elas têm a oferecer.

Então lembre-se de oferecer sempre as frutas em porções moderadas de acordo com o porte do seu cachorro e com a quantidade que ele costuma comer.

Publicado em 06 maio de 2019